29/05/14

A SINFONIA DA VIDA

«Os slogans que proclamam que o embrião é parte do organismo materno, que o aborto provocado é como qualquer outra intervenção, que a mulher tem plenos direitos sobre o seu ventre, e por aí fora, ofendem a seriedade da ciência antes mesmo de ofenderem a moral».
  
Elio Sgreccia, Manual de Bioética, Princípia, Cascais, 2009, p. 542.


28/05/14

DIREITOS GERAIS DO DOENTE ONCOLÓGICO

Pode ler aqui a 2.ª edição da brochura “Direitos Gerais do Doente Oncológico”, editado pela Liga Portuguesa Contra o Cancro.

26/05/14

ESTAR SENTADO É MAU PARA A SAÚDE

São bem conhecidos os inúmeros benefícios do exercício físico. Mas estudos recentes revelam que o próprio facto de se estar sentado muitas horas por dia tem consequências negativas para a saúde, mesmo que se procure compensar essa mobilidade reduzida com a prática desportiva. Parece que a solução passa por encontrarmos formas ativas de exercitar os músculos durante os longos períodos em que permanecemos sentados, como recomendam os seguintes vídeos.
  



20/05/14

ANTIBIÓTICOS: ALERTA VERMELHO



Uma reportagem de grande qualidade sobre o problema do uso indiscriminado de antibióticos e os riscos para a saúde pública mundial. Pode encontrar mais informações sobre este assunto aqui.

O Dr. Keiji Fukuda, da Organização Mundial de Saúde. disse recentemente que “o mundo está a caminhar para uma era pós-antibióticos, em que as infeções comuns e os pequenos ferimentos tratáveis há décadas, podem voltar a matar”.

19/05/14

O ABAFADOR

 
Em algumas culturas, havia o costume pagão de acelerar a morte de pessoas com doenças graves supostamente incuráveis, por meio do estrangulamento ou da sufocação. Miguel Torga, no seu livro Novos Contos da Montanha, apresenta a personagem Alma Grande, também chamado de pai da morte ou abafador, que existia em algumas aldeias rurais de Portugal.
  
“Entrava, atravessava impávido e silencioso a multidão que há três dias, na sala, esperava impaciente o último alento do agonizante, metia-se pelo quarto dentro, fechava a porta, e pouco depois saía com uma paz no rosto pelo menos igual à que tinha deixado ao morto.” (M. Torga, «O Alma Grande», Contos. Lisboa: Dom Quixote, 2001)
  
Contudo, como este conto retrata de forma magistral, nem sempre as doenças eram fatais. Lemos mais à frente nesta narrativa: “o Alma Grande olhara pela primeira vez a escuridão do seu poço”.
  
Matar, mesmo por motivos altruístas, não dignifica ninguém.

14/05/14

DESPORTO E ATIVIDADE FÍSICA


A atividade física e os desportos saudáveis são essenciais para a saúde e bem-estar. A evidência científica e a experiência disponível mostram que a prática regular de atividade física e o desporto beneficiam, quer fisicamente, quer socialmente, quer mentalmente, toda a população, de todas as idades, incluindo pessoas com incapacidades.

A atividade física reduz o risco de morte prematura; diminui o risco de morte por doenças cardíacas ou acidente vascular cerebral, que são responsáveis por 1/3 de todas as causas de morte; reduz o risco de doenças cardíacas, cancro do cólon e diabetes tipo 2; ajuda a prevenir/controlar a hipertensão, que afeta 1/5 da população adulta mundial; ajuda a controlar o peso e diminui o risco de obesidade; ajuda a prevenir a osteoporose, reduzindo o risco de fratura do colo do fémur; reduz o risco de desenvolver dores lombares; favorece o crescimento e manutenção de ossos, músculos e articulações saudáveis; promove o bem-estar psicológico e diminui o stress, ansiedade e depressão; ajuda a prevenir e controlar comportamentos de risco (como tabagismo, alcoolismo, toxicofilias, alimentação não saudável e violência), especialmente em crianças e adolescentes.

Os benefícios para a saúde geralmente são obtidos através de pelo menos de 30 minutos de atividade física diária moderada. Este nível de atividade pode ser atingido através de atividades físicas agradáveis, tais como caminhar para o local de trabalho, subir escadas, jardinagem, dançar e muitos outros desportos recreativos. As crianças e adolescentes necessitam de 20 minutos adicionais de atividade física vigorosa, 3 vezes por semana, enquanto que o controlo do peso corporal requer pelo menos 60 minutos diários de atividade física vigorosa/moderada.

A atividade física também tem benefícios económicos, especialmente porque reduz as despesas com a saúde, aumenta a produtividade e melhora o ambiente físico e social.

Fonte: Direção-Geral da Saúde

11/05/14

SELÉNIO E PREVENÇÃO DO CANCRO


O selénio é um mineral com atividade antioxidante, indispensável para o normal funcionamento do organismo. Pertence ao grupo dos micronutrientes que, tal como o nome indica, são necessários em pequenas quantidades na alimentação humana.
 
As carências nutricionais em selénio são muito raras e estão geralmente associadas a malnutrição. Além disso, apesar de alguma publicidade falaciosa, até ao momento não se encontraram evidências de que o consumo de suplementos de selénio, sob a forma de comprimidos ou ampolas, seja benéfico na prevenção do cancro.

06/05/14

CELEBRANDO A DIFERENÇA

Nascem cada vez menos crianças com trissomia 21 na maioria dos países ocidentais, devido às políticas agressivas de diagnóstico pré-natal e abortamento. Estou certo que a sociedade ficará mais pobre.


05/05/14

A MELHOR FRUTA É A MAÇÃ?

Comer uma maçã todos os dias poderá reduzir de forma significativa o risco de doenças cardiovasculares. Um estudo da Universidade de Oxford publicado no British Medical Journal em Dezembro passado, revelou que o consumo de uma maçã todos os dias poderá prevenir anualmente 850 enfartes do miocárdio e acidentes vasculares cerebrais no Reino Unido. Essa diminuição é quase tão potente como a que se obtém com as estatinas, medicamentos utilizados para baixar os níveis elevados de colesterol no sangue. Já diziam os antigos ingleses, "an apple a day keeps the doctor away".