29/01/14

DANÇA LENTA (POEMA)

Já alguma vez viste miúdos
Num carrossel?

Ou escutaste a chuva
A bater no chão?

Alguma vez seguiste o voo errático de uma borboleta?
Ou contemplaste o sol a esbater-se na noite?

É melhor abrandares.
Não dances tão rápido.

O tempo é curto.
A música não vai durar.

Passas pelos dias
A correr?

Quando perguntas: como estás?
Ouves a resposta?

Quando o dia termina,
Ficas deitado na tua cama

Com as próximas cem tarefas
A girar-te na cabeça?

É melhor abrandares.
Não dances tão rápido.

O tempo é curto.
A música não vai durar.

Alguma vez disseste ao teu filho
Fazemos isso amanhã?

E, na tua pressa,
Não reparaste na tristeza dele?

Alguma vez perdeste o contacto,
Deixaste uma amizade morrer

Porque nunca tiveste tempo
Para telefonar e dizer "olá"?

É melhor abrandares.
Não dances tão rápido.

O tempo é curto.
A música não vai durar.

Quando corres tão depressa para chegar a algum lado
Perdes metade do divertimento de lá chegar.

Quando te preocupas e aceleras ao longo do dia,
É como atirar fora um presente por abrir.

A vida não é uma corrida.
Vai mais devagar.

Ouve a música
Antes de a canção acabar.


David L. Weatherford, psicólogo e escritor norte-americano.


27/01/14

TRATAMENTOS INOVADORES DA DOENÇA VENOSA

Uma das formas de tratamento minimamente invasivo da doença venosa, que já tenho realizado, consiste na obliteração da veia insuficiente (geralmente a veia grande safena) por radiofrequência, tal como é apresentado no seguinte vídeo.
 
As principais vantagens desta abordagem endovascular em relação à cirurgia clássica são evitar uma anestesia geral ou epidural, não haver habitualmente necessidade de incisões na pele e de suturas, e permitir uma rápida recuperação e retoma da atividade profissional (2-3 dias). Os resultados são sobreponíveis à cirurgia clássica, embora nem todas as situações clínicas de insuficiência venosa e varizes possam ser tratadas por este método.


22/01/14

PREVENIR A GRIPE

Em período de inverno no hemisfério norte, aumenta a incidência dos casos de gripe. Geralmente tem uma evolução favorável, mas pode ocasionar complicações como sinusite, otite ou pneumonia, e provocar um agravamento de doenças crónicas como a insuficiência cardíaca, diabetes ou asma.
 
A Direção-Geral da Saúde recomenda os seguintes cuidados de forma a prevenir esta infeção vírica ou o seu contágio:
 
Lavar as mãos muitas vezes, com água e sabão, principalmente depois de se assoar, espirrar ou tossir;
Tapar o nariz e a boca, quando espirrar e tossir, com um lenço de papel ou com o braço e nunca com as mãos. O lenço de papel deve ser deitado no lixo ou sanita;
Evitar tocar nos olhos, nariz e boca sem ter lavado as mãos;
Evitar o contacto próximo com pessoas com gripe;
Se estiver doente assegurar distância em relação a outros para não transmitir a gripe;
Se possível, ficar em casa quando estiver com gripe;
Limpar frequentemente objetos e superfícies que possam estar contaminados (maçanetas de portas, corrimãos, telefones e computadores, etc.);
Dormir bem, praticar atividade física, reduzir o stress, beber muitos líquidos e ter uma alimentação equilibrada.
 
A vacina antigripal é segura e tem poucos efeitos secundários. Está especialmente indicada em pessoas com mais de 65 anos, mulheres grávidas, residentes em lares de terceira idade, portadores de doenças crónicas e trabalhadores em serviços públicos ou que contactem diariamente com elevado número de pessoas, sobretudo em espaços fechados (professores, condutores de transportes, etc.).


11/01/14

O SIGNIFICADO DOS SONHOS


Sigmund Freud (1856-1939), médico e pioneiro da psicanálise, escreveu a sua primeira obra sobre A Interpretação dos Sonhos em 1899. A partir da sua experiência pessoal e clínica, defende que “o sonho tem um significado e não é a expressão de uma atividade desconexa do cérebro”. Na sua opinião, o sonho seria “um fenómeno psíquico cuja razão de ser é a satisfação (dissimulada) de um desejo”. Com base nestes pressupostos, desenvolveu a teoria da psicanálise, com o objetivo de descodificar o sentido oculto dos sonhos, que seriam gerados ao nível do inconsciente.
  
Na psicanálise, a associação livre de ideias do paciente durante uma conversa com o terapeuta, bem como a interpretação do significado dos sonhos, constituíam a base do tratamento das doenças mentais. No processo de associação livre, o paciente é encorajado a partilhar tudo o que lhe vem à mente, por mais bizarros e estranhos que os seus pensamentos possam parecer.
  
As teorias freudianas nunca foram confirmadas nem foi demonstrada a sua eficácia e superioridade em relação a outros métodos terapêuticos. Quanto à função e significado dos sonhos, ainda há muita discussão no meio académico. Segundo a Teoria Contemporânea do Sonho, o fenómeno não é aleatório mas guiado pelas emoções que a pessoa experimenta na sua vida. Pode ser uma forma de adaptação do organismo para enfrentar melhor situações traumáticas e stressantes do dia-a-dia.
  
A psicanálise teve grande influência nas ciências sociais e humanas, assim como na arte e na literatura do século XX, embora na atualidade, com o grande desenvolvimento da psicofarmacologia e das neurociências, tenha um papel muito limitado no tratamento da doença mental.

08/01/14

ENGASGAMENTO: O QUE FAZER?



Em caso de uma pessoa não conseguir tossir ou respirar, peça a alguém que ligue o 112.

Coloque-se por trás da pessoa, apoie o tórax e dobre-a para a frente. Com a mão aberta, aplique 5 pancadas firmes entre as omoplatas. Coloque o punho fechado entre o umbigo e a ponta inferior do externo e faça 5 compressões abdominais.

Se o objeto não sair, repita a sequência de 5 pancadas entre as omoplatas e 5 compressões abdominais.

Assim que o objeto sair, pare as manobras.